8 regras para investir em Bitcoin em 2022

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email

As criptomoedas são reconhecidamente os ativos mais voláteis do planeta e o Bitcoin, apesar de ser a criptomoeda com maior market cap e maior volume de negócios, não foge à regra: seus preços variam  de maneira bastante acentuada.

Apesar disso, são poucos os investidores que adotam medidas preventivas contra momentos de maior instabilidade e reversão no preço do BTC.

Para saber quais estratégias e ferramentas utilizar neste ano de 2022, para, assim, conseguir obter bons retornos futuros a partir do Bitcoin, confira 8 regras que Thata Saeter, diretora de operações da Convex Research, listou:

  1. Leia o White Paper do Bitcoin

Publicado em 31 de outubro pelo pseudônimo Satoshi Nakamoto, criador do Bitcoin, o White Paper funciona como um documento que contém todas as características, funções e propriedades da criptomoeda.

Então, é um bom ponto de partida para investidores adquirirem mais conhecimento de base sobre o funcionamento do Bitcoin.

  1. Abra uma conta em uma corretora de criptomoedas de confiança

Também chamadas de exchanges, as corretoras de criptomoedas atuam da seguinte maneira: realizam a mediação de negociações entre quem quer comprar e quer vender bitcoins.

Além dessa mediação, também estão disponíveis para investidores guardarem ativos que não querem deixar nas carteiras próprias.

Para não expor seu patrimônio à riscos, é essencial escolher uma corretora de confiança. Isso pode ser verificado através de uma pesquisa sobre os sócios, processos passados, redes sociais, sites de notícias e, na parte dos valores, conhecer as taxas para saques, depósitos, transferências e limites.

Outras características que podem ser levadas em consideração na hora de selecionar a corretora é a oferta de criptomoedas disponíveis para negociação, encontrada nos chamados livros de ofertas, e a liquidez, que demonstra o volume de negociação da Exchange.

Alguns exemplos das principais corretoras do Brasil atualmente são: Binance, Mercado Bitcoin, Foxbit, BitcoinTrade, Coinext e BitcoinToYou.

  1. Inicie com R$50

É possível iniciar os investimentos em bitcoin com uma aplicação de R$50 na maior parte das exchanges em funcionamento hoje.

Através de um processo de transação bem simples, a aplicação consiste na compra dos chamados “satoshis”, que consistem em centavos de uma unidade inteira do bitcoin.

Como o valor não é alto, você não exporá seu patrimônio de forma prejudicial, e, juntamente com isso, já começará a lidar com o universo cripto, podendo continuar a investir futuramente de forma consistente.

  1. Defina um percentual do seu portfólio global para investir

Também como forma de se proteger, diversificar seu portfólio de forma global é outra estratégia para preservar seu patrimônio e poder manter seus investimentos em bitcoin ao longo do tempo.

Portanto, Thata recomenda os investidores montarem uma estratégia na qual sempre um percentual de todo o seu portfólio esteja reservado para aplicações em criptomoedas de forma geral.

E esse valor pode variar de acordo com seus valores e objetivos dentro dos retornos esperados a partir dos investimentos.

  1. Faça sua própria pesquisa em fontes confiáveis

Anter de começar a lidar com bitcoin na prática, construir um repertório com conhecimento de base é essencial para não cair em possíveis pensamentos de manada e tendências negativas do mercado.

Não se deixe levar por afirmações imediatistas, previsões de “gurus” e dicas quentes que alegam garantir retornos rápidos e altos.

  1. Não acredite em atalhos para a riqueza

“O que te deixará rico é o seu trabalho, investimentos ajudarão a preservar e multiplicar seu patrimônio”, explicou Thata Saeter.

Os investimentos em bitcoin, então, devem ser vistos como mais uma ferramenta que faz parte de toda a sua estratégia de investimentos. Estratégia esta que, ao final, possui o objetivo de te fazer sobreviver no mercado financeiro, para, assim, conseguir trazer mais conforto e qualidade de vida.

  1. Foque em retornos no médio prazo

Tanto dentro de investimentos em bitcoin como em outras classes de ativos, acreditar em retornos rápidos apenas atrapalha o investidor e, em certos casos, o faz se aproximar do risco da ruína.

Sendo assim, o mais correto e seguro é se concentrar em ganhos de médio a longo prazo, que poderão refletir de forma coerente e verdadeira os resultados de sua estratégia e carteira aplicados na prática.

  1. Acompanhe profissionais e empresas com uma filosofia de investimentos compatíveis com a sua

Reconhecendo seu perfil de investimentos, procure se aproximar do trabalho e conteúdo de indivíduos que possuam valores semelhantes aos seus.

Seja como forma para adquirir informação, inspiração ou incentivo, consumir conteúdos que te mantenham fiel a sua filosofia não te deixa cair em possíveis ruídos.

Seus Investimentos Precisam de Indpendência! Em fevereiro, a Convex abre as suas assinaturas anuais para novos membros.

Garanta sua vaga, inscreva-se na lista de espera e receba informações em primeira mão: assinaturas.convexresearch.com.br

Receba nossa

Newsletter

Novidades e informações importantes sobre a Convex

Relacionados

Cryptos

8 fatos e curiosidades sobre os NFTs

Provavelmente você já viu a sigla NFT em alguma de suas redes sociais, seja atrelado a memes ou a notícias sobre tecnologia ou mercado financeiro.

Preserve o Seu Patrimônio

Seja um Assinante Convex

Entre em contato para saber mais sobre nossas soluções e ferramentas para que você se torne um investidor global.