insights

Há uma irracionalidade no mercado de ações, diz Howard Marks

30.Março.2021

O mercado acionário passa por um momento de certa “irracionalidade”, com preços em níveis significativamente elevados, na opinião do gestor Howard Marks, fundador da Oaktree Capital, gestora de recursos especializada em ativos de risco e conhecida por sua capacidade de entregar resultados consistentes de longo prazo.

Marks, que é um dos investidores mais respeitados da atualidade, afirma que apesar da alta dos preços, não acredita que estejamos vivendo uma bolha nas ações neste momento. “Até existem algumas indicações de comportamento de bolha, mas não acho que estejamos em uma. Os preços das ações estão altos. Com os juros baixos, as ações tendem a ficar mais caras. Há uma irracionalidade no mercado”, disse o gestor durante entrevista ao podcast Stock Pickers.

Ele destacou que o PL (preço/lucro, uma das métricas para calcular se uma ação está cara ou barata) do S&P500 está atualmente em torno de 20, acima da média histórica de 16. Isso pode ser justificado por dois motivos: o primeiro é o fato da taxa de juros dos EUA estar em um nível muito baixo, atraindo mais investidores para ativos de risco e consequentemente inflando os preços.

O segundo motivo é a composição do S&P500.  “27% do S&P 500 é composto por empresas de tecnologia, como Apple, Google, Amazon, Microsoft e Facebook. São empresas fantásticas e que possuem PLs mais altos”, afirmou.

Durante a entrevista, Marks também comentou sobre a inflação nos EUA e destacou que é difícil prever qual será o comportamento dos preços nos próximos anos. “A inflação é um fenômeno misterioso e é difícil fazer previsões válidas (...) Eu não apostaria em qual será a inflação daqui a dois anos. Para isso seria necessário saber coisas que não sabemos”, disse.

Marks é conhecido por sua maneira de investir, sempre se resguardando em relação a eventos difíceis de serem previstos. Uma de suas frases mais célebres é: “Você não pode prever. Você pode se preparar”.

Este foi o título de um célebre memorando enviado para os investidores da Oaktree em 2001. Nele, Marks aborda a importância de estar preparado para os principais ciclos de mercado e não ser pego de surpresa.

“Na minha opinião, a chave para lidar com o futuro está em saber onde você está, mesmo que você não consiga saber exatamente para onde está indo. Saber em que momento você está de um ciclo e o que isso implica para o futuro é muito diferente de tentar prever o futuro”, escreveu o gestor no emblemático documento de 2001.

 
Banner Insights

Convex

Receba nossa Newsletter

Este site usa cookies para garantir que você obtenha a melhor experiência.
Ver Política de Privacidade